Clique aqui para voltar à página inicialhttp://www.novomilenio.inf.br/santos/fotos177.htm
Última modificação em (mês/dia/ano/horário): 11/23/08 17:36:51
Clique na imagem para voltar à página principal
SANTOS DE ANTIGAMENTE
Rua Joaquim Távora no século XX (1)
Os trilhos do bonde já passavam pela Avenida Pinheiro Machado, e a iluminação pública já estava presente mesmo com a região quase deserta, quando esta foto foi feita, no início do século XX, na confluência com a Rua Joaquim Távora, no Marapé. Ao fundo, no centro à direita da imagem, pode-se observar a pedreira do Jabaquara, já explorada pela Cia. Docas para a construção do porto de Santos:


Foto: autor desconhecido, cedida pelo historiador Waldir Rueda 

Um detalhe da mesma foto mostra o que era a Rua Joaquim Távora, que aliás só ganhou esse nome em 23 de dezembro de 1930, em homenagem à memória do mártir do movimento precursor da Revolução de 1930, (o capitão Joaquim Távora, irmão de Juarez Távora, morreu ao liderar corajosamente um grupo que atacava um quartel da Força Pública em São Paulo), aparecendo nas plantas anteriores de Santos como Rua Nova nº 106 e ainda como Rua Manoel Carvalhal:

As imagens a seguir foram enviadas a Novo Milênio pelo santista Vitor Dias, em 1/7/2007. Segundo ele, são fotos do final da década de 1960 "que, de alguma forma, retratam um período de tranqüilidade (casas de muros baixos e tráfego de veículo praticamente inexistente)":


Terreno da antiga Companhia Docas de Santos, na Rua Joaquim Távora, 500, junto ao morro do Marapé, depois ocupado pelo pátio de contêineres da empresa Transbrasa. Do lado esquerdo, observa-se as casas 506 em diante daquela rua, e o canalete de água procedente da bica existente no sopé do morro


Bica d'água no final da R. Joaquim Távora, área depois ocupada pelo cemitério vertical Memorial, na confluência com a Avenida Nilo Peçanha


Rua Joaquim Távora e seus moradores

Estas fotos são de 1969 e foram enviadas a Novo Milênio em 22/11/2008, também por Vitor Dias:


Rua Joaquim Távora, próximo ao número 504. O muro mais alto é parte da área mais tarde ocupada pelo terminal de contêineres da empresa Transbrasa, no número 500 dessa rua


Motorista de táxi (cunhado de Vítor Dias) na Rua Joaquim Távora, defronte ao número 506. Na época dos pontos fixos de táxi, este veículo estava vinculado à agência Paramount, estacionando então entre as ruas Vasconcelos Tavares e Frei Gaspar

Leva para a página seguinte da série

QR Code - Clique na imagem para ampliá-la.

QR Code. Use.

Saiba mais